Como começar a investir em ações

como começar

Ter oportunidades para elevar o patrimônio e alcançar maior tranquilidade financeira é um objetivo comum a muitos brasileiros. Para isso, investir em ações é uma das principais alternativas para aplicar o dinheiro e gerar boas oportunidades para a lucratividade.

Trata-se de um segmento que oferece diversas possibilidades para desenvolver estratégias e investir de acordo com os objetivos pessoais — no entanto, é imprescindível conhecer bem como funciona a bolsa de valores e definir um planejamento eficiente.

Se você pretende investir o seu dinheiro e elevar as possibilidades de ter bons rendimentos, é indispensável entender melhor o assunto.

Veja neste post, informações relevantes e dicas para começar a investir em ações com segurança e eficiência!

Afinal, o que são as ações?

Também chamadas de papéis, as ações consistem em pequenas frações de uma empresa de capital aberto e que capta recursos na bolsa de valores. Sendo assim, os investidores podem adquirir essas ações na bolsa e ter uma participação nos rendimentos, de acordo com o que foi adquirido.

Em outras palavras, as ações são uma forma que as companhias de capital aberto procuram para arrecadar recursos para o crescimento. Com isso, os investidores que comprarem os papéis têm a possibilidade de ter lucros ao longo de um determinado período.

As ações existem em diferentes tipos e especialidades, como:

  • ações preferenciais;
  • ações ordinárias;
  • certificado de depósito de ações;
  • ações blue chips;
  • mid caps;
  • small caps.

Como as ações funcionam?

Apesar de ser um assunto que desperta muitas dúvidas, as ações funcionam de forma simples e devem ser compreendidas detalhadamente pelo investidor. Toda ação é comercializada na bolsa de valores e emitida por empresas para elevar a captação de recursos.

Dessa forma, o investidor identifica as melhores oportunidades e empresas promissoras para adquirir as ações e lucrar com a valorização. Assim, é possível ter ganhos com a venda da ação no futuro com um valor maior, em que o prazo depende da estratégia e da situação do mercado.

Nesse contexto, os preços das ações variam de acordo com mercado externo, situação política, economia e resultados da empresa. Isso significa que as ações podem ter valorização ou desvalorização, por isso, é importante ter um bom planejamento.

Essas oscilações do mercado são chamadas de volatilidade e têm influência direta na lucratividade do investidor. Sendo assim, ao comprar e vender ações, é fundamental ter atenção especial e acompanhar o mercado para evitar perdas e não comprometer a sua carteira.

O que é a bolsa de valores?

Como você viu até aqui, as ações são pequenas partes de uma empresa de capital aberto, que podem ser adquiridas por qualquer investidor. Contudo, o ambiente onde são realizadas as negociações das ações é chamado de bolsa de valores, que no Brasil é a B3.

O objetivo é organizar o mercado, proporcionando segurança e confiabilidade para os investidores e empresas. Além das ações, na bolsa de valores são negociados outros títulos e ativos, com processos modernos, confiáveis e de fácil monitoramento.

Como investir em ações?

O mercado financeiro é um ambiente intenso, repleto de termos e que exige conhecimento e estratégias para potencializar os lucros. Por esse motivo, antes de começar a investir em ações, é imprescindível estudar bastante e definir um planejamento eficaz.

Veja um passo a passo importante para começar a investir de forma segura e elevar as suas possibilidades!

Conheça o seu perfil

O primeiro passo que você deve considerar é a definição do seu perfil de investidor, ou seja, qual o grau de risco que está disposto a correr. Essa informação é crucial para direcionar as suas decisões e encontrar ações que sejam compatíveis com a sua tolerância aos riscos.

Existem 3 tipos de perfis de investidores, que são:

  • perfil conservador: é um perfil que preza pela segurança, por isso, investe em ativos com baixo risco de perdas, mesmo que os rendimentos sejam menores;
  • moderado: embora preze pela segurança, esse perfil tem maior tolerância ao risco, visando investimentos que podem ter mais lucratividade;
  • perfil arrojado: é um perfil que está disposto a correr riscos de perda total ou parcial do patrimônio para conseguir lucros significativos.

Faça um planejamento

Após conhecer o seu perfil de risco, é fundamental estudar bem o mercado e definir um planejamento personalizado — de acordo com os seus objetivos a curto, médio e longo prazo, além de levar em conta os valores disponíveis para começar as suas aplicações.

Abra uma conta em uma corretora

Para investir em ações na B3 é preciso ter uma conta em uma corretora de valores, que funciona como um intermediário entre o investidor e o investimento. Essa escolha é determinante, por isso, escolha uma empresa com taxas justas, que seja reconhecida e ofereça todo o apoio.

Conte com apoio especializado

O mercado financeiro é complexo, principalmente para os investidores que estão iniciando as aplicações. Portanto, é importante contar com apoio de uma assessoria de investimentos para orientar as suas decisões e auxiliar a encontrar as melhores estratégias para o seu planejamento.

Como é o rendimento das ações?

Investir em ações é uma excelente alternativa para quem deseja construir uma estabilidade financeira e ter rendimentos ao longo do tempo. Entretanto, é preciso ter o devido planejamento para evitar erros e adquirir ativos que não sejam compatíveis com os seus objetivos.

Nesse sentido, o rendimento de uma ação se dá pela valorização dos resultados da empresa e no equilíbrio da relação entre política e economia. Esse cenário pode causar tanto o aumento do valor quanto a desvalorização, o que exige expertise do investidor para comprar e vender no momento correto.

Embora existam riscos, investir em ações é uma alternativa promissora e um desafio prazeroso, que pode levar a lucros significativos. Portanto, não deixe de planejar suas estratégias e contar com o devido apoio para potencializar sua vida financeira e ter mais tranquilidade no futuro.

O que acha de continuar aperfeiçoando seus conhecimentos sobre o assunto? Leia agora mesmo 5 perguntas e respostas sobre investimentos!

Siga nossas redes sociais: Instagram | Facebook | Linkedin

4 de outubro de 2021

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin